UEPB realiza 1º Seminário da Rede de Hidrologia do Semiárido com foco em estudos sobre a água

30 de maio de 2017

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através do Laboratório de Ecologia Aquática (LEAq), está realizando o 1º Seminário da Rede de Hidrologia do Semiárido (REHISA), com foco em estudos sobre a água. O evento foi aberto na manhã desta terça (30) e será encerrado nesta quarta-feira (31), com todas as atividades realizadas no Centro de Inovação e Tecnologia Telmo Araújo (Citta), em Campina Grande. Estão participando do evento dezenas de pesquisadores dos Estados da Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Ceará que desenvolvem pesquisas na área.

O objetivo do seminário é apresentar e discutir trabalhos que estejam em desenvolvimento na região do Seminário brasileiro. De acordo com o coordenador do evento, professor Etham Barbosa, desde 2014 a Rede de Hidrologia vem municiando pesquisas muito importantes no que diz respeito ao controle da qualidade da água, gestão da crise hídrica, monitoramento de cianobactérias no Seminário, entre outros assuntos.

“Esse é o espaço onde todos os pesquisadores têm a oportunidade de apresentarem os resultados de suas pesquisas. Aqui, por exemplo, nós vamos dialogar sobre o trabalho do Laboratório de Ecologia Aquática da UEPB que auxiliou a Cagepa no monitoramento da qualidade da água do açude de Boqueirão. Outros pesquisadores compartilharão suas experiências para que esses estudos cheguem cada vez mais rápido no dia a dia da sociedade”, explicou o professor.

A pesquisadora Irma Carvalho valorizou a iniciativa da realização do seminário como forma de ampliar o conhecimento e os estudos sobre a água, principalmente em um período de longa seca como vem sendo enfrentado pelas cidades da região do Semiárido. “Esse momento permite para nós aprofundarmos nossos conhecimentos e buscar soluções para questões importantes da sociedade. Dentre tantas pesquisas, a nossa abordou os ambientes da transposição das águas do Rio São Francisco no que diz respeito à biodiversidade que existe nas localidades que estão recebendo essa água”, falou.

O REHISA é uma realização do LEAq da UEPB, e tem como parceiros a Fundação Parque Tecnológico da Paraíba (PaqTcPB), FUNCEME, FINEP e UFC. A programação do evento desta quarta (31) segue com a realização de mesa redonda e mesa de discussão no horário da manhã, e uma discussão interna para a chamada CAPES-ANA 2016/17 no período da tarde.

 

 

Texto e fotos: Givaldo Cavalcanti