Trabalhos sobre responsabilidade social na UEPB e qualidade de vida no trabalho serão expostos no 23º SIMPEP

12 de agosto de 2016

Dois trabalhos desenvolvidos por uma equipe de professores e alunos do Departamento de Administração da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) serão expostos no 23º Simpósio de Engenharia de Produção, que acontece de 9 a 11 de novembro, com o tema “Gestão de operações em serviços e seus impactos sociais”, em uma promoção da Universidade Estadual Paulista (Unesp). O evento é um dos mais importantes do país na área de Engenharia de Produção.

Serão expostos os estudos “Ações de responsabilidade social na Universidade Estadual da Paraíba: uma aplicação do modelo O’brien” e “Análise da qualidade de vida no trabalho dos trabalhadores de Campina Grande”. As pesquisas foram desenvolvidas pelos professores José Austerliano Rodrigues, Waleska Silveira Lira e Viviane Barreto Motta Nogueira, com a participação dos alunos Joaquim Carlos Lourenço, Bábara Kelly Sales de Arruda e Matheus Borges Lima.

O primeiro estudo apresenta uma abordagem quantitativa, feita através da aplicação de 200 questionários aos alunos da UEPB, que mostrou que o tema da responsabilidade social é bem disseminado na Instituição. De acordo com o estudo, na visão dos alunos, é positivo as Instituições de Ensino Superior (IES) se envolverem em atividades que não geram lucros e, mas solucionam problemas sociais criados por outros. Na UEPB, os alunos destacaram que os projetos de extensão ajuda significativamente as pessoas carentes e mudam o pensar social, ajudam a diminuir a violência, contribuindo também para a formação de pessoas conscientes com seus deveres para com a sociedade, entendendo a importância da prática das ações de responsabilidade social.

Já o segundo estudo leva em consideração a importância do fator humano nas organizações, influindo diretamente na produtividade. O trabalho analisou o nível de qualidade de vida no trabalho dos trabalhadores de Campina Grande e chegou a conclusão de que estes níveis estão dentro de um padrão aceitável, porém as empresas necessitam de ajustes em algumas áreas, como no incentivo ao aprimoramento dos trabalhadores, com o objetivo de melhorar o corpo funcional, bem como incentivo à tomada de decisão referente aos assuntos organizacionais, desmistificando o medo de represálias por parte dos posicionados no topo da cadeia.

No 23º Simpósio de Engenharia de Produção serão abordados temas como “Gestão de operações em hospitais”, “Desafios da pós-graduação em Engenharia de Produção”, “Manutenção em redes de energia elétrica e seus impactos sociais”, entre outros.

Texto: Tatiana Brandão