Pós-Graduação em Química informa sobre processo de credenciamento de docentes orientadores

24 de janeiro de 2017

O Programa de Pós-Graduação em Química da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) informa que o processo de credenciamento de novos docentes orientadores do quadro permanente ou colaborador ocorrerá em regime de fluxo contínuo. Os requerimentos de solicitação de credenciamento deverão ser dirigidos à coordenação do PPGQ, munidos de um plano de trabalho e Currículo Lattes. Para o quadro permanente, o candidato deve atender o critério de produção mínima da área de Química da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal em Nível Superior (Capes) para propostas de cursos novos com nota 3, que significa uma produção acadêmica mínima de 01 (um) artigo Qualis B4 por ano no último quadriênio na área de Química.

Para colaborador, o candidato deve demonstrar capacidade de gerenciamento de projetos de pesquisa, através de projetos PIBIC, e publicação de trabalhos em congressos ou artigos em revistas, ainda que com Qualis inferior a B4. O plano de trabalho deve conter, no máximo, 03 (três) páginas contendo o projeto de pesquisa a ser desenvolvido pelo pesquisador, inserindo-o nas linhas de pesquisa do PPGQ ou deixando clara a capacidade de criação e manutenção de uma nova linha de pesquisa (apenas para permanente). Deve conter também a disposição do candidato em ministrar uma disciplina por ano, seja do quadro de disciplinas do Programa, seja uma nova disciplina proposta pelo candidato.

As propostas serão analisadas mensalmente pelo comitê de credenciamento, que enviará recomendação ao colegiado, que homologará ou não o credenciamento, a depender das necessidades acadêmicas e de produção do Programa de Pós-Graduação em Química da UEPB. Outras informações podem ser obtidas pelo e-mail ppgq@uepb.edu.br.