Primeiro livro da coletânea Fundamentos da Educação é lançado no polo EaD de João Pessoa

30 de março de 2016

Com a presença de autores, professores da Educação Básica, estudantes, servidores e docentes da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), foi realizada na noite desta terça-feira (29), no Polo de Educação a Distância da UAB/UEPB, em João Pessoa, a segunda edição do lançamento do livro “Cotidiano escolar e práticas pedagógicas”, que integra a coletânea “Fundamentos da Educação: práticas pedagógicas interdisciplinares”, editado pela Editora da Universidade Estadual da Paraíba (EDUEPB).

Organizado pelos professores Alessandro Frederico, Eliane Moura, Luciano Justino, Paula Almeida e Valmir Pereira, este trabalho é resultado da produção textual da turma 2013/2014 da Especialização Fundamentos da Educação oferecida pela Instituição.

A obra reúne 16 artigos produzidos pelos alunos especialistas e orientados pelos professores do curso, que tiveram o cotidiano escolar como seu foco de interesse, agrupado nos seguintes eixos temáticos: Prática pedagógica e cotidiano, Ensino/aprendizagem e as demandas contemporâneas da escola, Interdisciplinaridade e interculturalidade com éticas do diálogo, e Letras, artes e Educação Física na prática pedagógica contemporânea. A obra está disponível para aquisição na livraria da EDUEPB e deverá ser exposta em escolas públicas do Estado da Paraíba.

Os próximos livros da coletânea que serão lançados são “Tecnologias educacionais: mídias e práticas docentes”; “Educação do campo e sua inserção na agenda política educacional”; “A sociedade brasileira e as diferenças socioculturais”; “Diversidade, linguagens e formas de interação”. A obra “Tecnologias educacionais: mídias e práticas docentes” já se encontra em fase de finalização e abordará temas como o uso de recursos comunicacionais e computacionais aplicados à educação, aprendizagem colaborativa, educação a distância como prática de ensino, entre outros.

A pró-reitora de Ensino Médio, Técnico e Educação a Distância, professora Eliane Moura, lembrou que essa segunda edição do lançamento foi pensada para contemplar os autores pessoenses e celebrar uma iniciativa pioneira da UEPB, que é fruto de esforço coletivo de gestores, docentes da Instituição e professores da Educação Básica do Estado que participaram da Especialização em Fundamentos da Educação, ofertada pela UEPB em toda Paraíba.

“Reunimos trabalhos da especialização que já estavam sendo pensados no projeto do curso. Desde a concepção da especialização já prevíamos que nós iriamos editar uma coleção que teria as cinco áreas e linhas de pesquisa do projeto. Esse que estamos lançando é o primeiro, o segundo livro abordará novas tecnologias e deve ficar pronto até junho e os outros três livros da coleção devem ser lançados até dezembro. Este é o compromisso da UEPB, uma proposta inovadora de produzir um espaço de interlocução teórico-prática entre os professores da educação básica e os professores da Universidade”, explicou a professora Eliane .

Um dos autores do livro “Cotidiano escolar e práticas pedagógicas”, Celso Gomes Neto, que abordou a aproximação pedagógica entre Matemática e Geografia, festejou a publicação do seu trabalho não só como forma de conscientizar a comunidade escolar e acadêmica sobre a possibilidade de utilização das práticas interdisciplinares nas metodologias educacionais mas, como uma experiência que marca seus 30 anos de magistério.

“Nessa época em que a UEPB faz 50 anos e eu com 30 anos de ensino, a maior herança que eu poderia deixar é um produto que é fruto da minha experiência de aproximação entre a Geografia e Matemática. Achei fantástica a possibilidade de mostrar que os métodos interdisciplinares facilitam o aprendizado dos estudantes”, avaliou o professor Celso.

Durante o lançamento do livro, o reitor da UEPB, professor Antônio Rangel Júnior, relembrou a trajetória de crescimento do Campus de João Pessoa e a importância dos cursos de educação a distância para o processo de inclusão social e formação acadêmica e profissional em todo o Estado da Paraíba.

“A UEPB chegou em João Pessoa em 2006, a partir de um grande projeto de expansão. E hoje, com três cursos de graduação e um curso de pós-graduação consegue, a despeito de grandes adversidades, ter um dos centros mais produtivos e criativos de toda a UEPB, com uma produção considerável em todas as áreas. Além disso, conta com um polo de educação a distância que possibilita a inclusão social por meio dos cursos que são ofertados para a comunidade de todo o estado”, avaliou Rangel Júnior.

Na oportunidade, o reitor também comemorou a consolidação da proposta de graduação tecnológica em gestão pública voltada à capacitação de servidores públicos em atividade.

“Estamos olhando para o horizonte com um grande projeto que envolve a graduação tecnológica em gestão pública. A meu ver essa será uma das maiores contribuições à estrutura pública do Estado da Paraíba. Como somos uma universidade talhada no desafio, e, sem dúvida, uma grande lacuna seja a formação para o desenvolvimento, uma vez que muitas vezes presenciamos problemas de uso de recursos, ingerência, que ocorrem por falta de capacitação dos servidores para lidar com questões inerentes à carreira pública, esse curso tem o objetivo de fornecer essa formação específica”, avaliou Rangel Júnior.

Durante a solenidade de lançamento do livro também foi realizada uma apresentação cultural da banda formada pelo professor Henrique França e estudantes do curso de Arquivologia da UEPB, vinculadas ao projeto “Uma proposta dialógica de ensino de gêneros acadêmicos: nas fronteiras do projeto SESA”, que utiliza a música para o estudo de gêneros acadêmicos.

Texto e fotos: Juliana Marques