Pós em Ensino de Ciências e Educação Matemática completa 10 anos contribuindo para qualificação docente

30 de agosto de 2017

Há 10 anos, um grupo de professores do Centro de Ciências e Tecnologia (CCT) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) concretizou um antigo sonho, voltado à qualificação docente e valorização de professores e pesquisadores das áreas de Ciências. Assim, nasceu o Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática (PPGECEM), com o Mestrado Profissional, que ao longo de sua jornada já formou cerca de 130 mestres em Educação Matemática, Educação Biológica, Educação Química e Ensino de Física.

Visando aprofundar a formação de professores dos diversos níveis de ensino de Matemática, Biologia, Física e Química quanto ao domínio de conhecimentos envolvidos no processo de ensino e aprendizagem destas disciplinas, relevando os aspectos epistemológicos, metodológicos e históricos, em 2013 foi iniciado o Mestrado Acadêmico em Ensino de Ciências e Educação Matemática e, em 2015, houve a implantação das áreas de Educação Biológica e Educação Química, tanto no curso profissional como no acadêmico.

Segundo o professor Joelson Pimentel, coordenador do PPGECEM, a primeira dissertação foi defendida em junho de 2010 e, de lá pra cá, o Programa já ofereceu inúmeras contribuições a partir das pesquisas que foram desenvolvidas pelos alunos da pós-graduação. “A nossa missão é aprofundar a formação dos professores quanto ao domínio dos conteúdos trabalhados no processo de ensino e aprendizagem dentro da sala de aula. De todas as dissertações defendidas, 50 delas são do Mestrado Acadêmico, e cerca de 80 do Mestrado Profissional”, destacou o professor.

A Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática fez parte do ciclo inicial de expansão da Pós-Graduação na UEPB, em um período no qual a Instituição teve condições de iniciar uma nova fase de investimento em pesquisa, principalmente no que diz respeito à formação de turmas na modalidade Stricto Sensu. Desde então, o curso tem exportado pesquisadores para cursos de Doutorado em universidades do Nordeste e do Sudeste. “Temos ex-alunos que daqui saíram para fazer Doutorado na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Universidade Federal da Bahia (UFBA), Universidade de São Paulo (USP), Universidade do Rio Grande do Sul (UFRS), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e outras”, acrescentou o coordenador.

Coleção de livros voltados ao ensino de ciências

Além da contribuição científica pelas pesquisas desenvolvidas pelos cursos Acadêmico e Profissional, o Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática criou uma alternativa para ampliar seu alcance e favorecer ainda mais o ensino das ciências. Dessa forma, vai ser lançado ainda este ano o primeiro livro da coleção Caroá, que contará com artigos escritos por pesquisadores do PPGECEM, bem como de professores convidados.

“Tivemos o apoio da Editora da Universidade Estadual da Paraíba (EDUEPB) e criamos a coleção Caroá. Uma coleção de livros do PPGECEM, que tem por objetivo publicar e divulgar resultados de pesquisas do próprio Programa, mas também de outros programas de pós-graduação que tenham linhas de pesquisa semelhantes, tanto do Brasil quanto de outros países”, explicou Joelson.

Ainda de acordo com o coordenador do programa, Caroá simboliza a resistência da natureza contra a seca, caracterizando bem o que é pensado acerca dos desafios políticos, econômicos e culturais que se enfrenta com relação ao Ensino das Ciências.

Seleção oferece 53 vagas para a Turma 2018

Dando continuidade a sua missão de oferecer oportunidade para profissionais dentro do espaço da Pós-Graduação, o Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática estará com inscrições abertas entre os dias 18 e 22 de setembro para a turma 2018 do Programa. Ao todo serão disponibilizadas 53 vagas, sendo 27 para o curso de Mestrado Acadêmico e 26 para o Mestrado Profissional.

Para se inscrever o interessado deve acessar o endereço eletrônico https://academico.uepb.edu.br/mestrado/index.php/inscricoes e posteriormente ratificar a inscrição com a entrega da documentação exigida, na Secretaria do Programa, localizada no Bloco C, Sala 310, 3º andar do Centro de Ciências e Tecnologia (CCT), no Câmpus de Bodocongó, das 8h às 12h e das 14h às 17h.

A seleção dos candidatos constará de quatro etapas, sendo a prova escrita no dia 23 de outubro, arguição de projeto entre os dias 20 e 22 de novembro, análise do currículo e prova escrita de Língua Inglesa no dia 5 de dezembro. O resultado final do processo seletivo será divulgado no dia 15 de dezembro. Confira o edital completo da seleção clicando AQUI.

 

Texto: Givaldo Cavalcanti