Mais de 200 alunos apresentam experiências na 7ª Mostra Científica e 4ª Mostra de Estágios em Educação Física

12 de dezembro de 2017

Como culminância das atividades de sala de aulas realizadas no ano de 2017 e dos estágios feitos nas escolas públicas de Campina Grande pelos estudantes do 5º, 6º, 7º e 8º períodos, o Departamento de Educação Física (DEF) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), está realizando a 7ª Mostra Científica de Educação Física e a 4ª Mostra de Estágios. O DEF reúne nas duas mostras mais de 200 alunos e dezenas de professores dos cursos de Licenciatura e de Bacharelado em Educação Física em torno da temática “Produção do Conhecimento na Formação em Educação Física”.

Mesas temáticas, palestras e exposições de trabalhos em forma de banneres, além de defesas de Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) dos graduandos em Educação Física, fazem parte da programação que se estende até quinta-feira (14), das 8h às 12h e das 13h às 17h, no Ginásio de Esportes e nas salas de aulas do Departamento.

A abertura oficial das Mostras aconteceu na manhã desta terça-feira (12) e contou com a presença da pró-reitora Estudantil, professora Núbia Nascimento; do chefe do Departamento de Educação Física, professor José Pereira; do pró-reitor de Infraestrutura, professor Álvaro Luiz; da chefe adjunta do Departamento, professora Dóris Nóbrega; do coordenador de estágios do DEF, professor Ivanildo Alcântara de Sousa; do coordenador da Licenciatura em Educação Física, professor Eduardo Ribeiro Dantas; do coordenador do Bacharelado, professor Coty Wanderley; além do coordenador de Esportes e Lazer da UEPB, professor José Eugênio Eloi Moura.

Representante do reitor Rangel Junior no evento, a pró-reitora Núbia Nascimento parabenizou toda a equipe pelo empenho e os alunos pela dedicação nos estágios. Ela destacou que o estágio é uma etapa importante na vida acadêmica, visto que, por ser pedagógico e científico, prepara o futuro profissional para enfrentar o mercado de trabalho. “Uma mostra como essa precisa ser valorizada. Realizar um estágio não é tarefa fácil e requer muito esforço e determinação. Acompanhar uma turma de estágio é difícil e árduo. Os professores estão de parabéns”, destacou.

Coordenador geral das Mostras, o professor Ivanildo Alcântara de Sousa enfatizou que este ano o evento tomou uma proporção maior, como culminância dos relatórios finais dos estágios abordando diversos temas ligados ao curso. Chefe do Departamento, o professor José Pereira destacou a qualidade dos trabalhos apresentados e ressaltou que a produção científica de alto nível mostra como os alunos do DEF estão sendo preparados para o mercado de trabalho. “Essa mostra tem incentivado os alunos a produzir cientificamente os seus trabalhos. Muitos desses trabalhos são publicados em revistas especializadas nacional e internacional”, frisou.

A conferência de abertura foi ministrada pela professora Maria de Fátima de Sousa, coordenadora geral de estágios e dos programas acadêmicos da Pró-Reitoria de Graduação da UEPB. Em sua palestra, ela destacou a importância do estágio supervisionado para os alunos em todas as modalidades e enfatizou que os alunos devem aproveitar o momento para aperfeiçoar a técnica e colocar em prática os conhecimentos de sala de aula, já na perspectiva do futuro mercado de trabalho. “O Estágio Supervisionado é fundamental na vida dos alunos de Educação Física. É uma conexão teórico-científica, associada a prática que vai complementar toda a formação acadêmica do aluno para que ele possa ser um profissional e um cidadão preparado”, salientou.

Durante a explanação, a professora também mostrou como ocorre toda a formularização necessária para os alunos chegarem ao campo de estágio conforme preconiza a Lei 11.788/2008. Maria de Fátima também fez uma abordagem em torno da preparação do currículo simplificado e como eles devem se comportar nas entrevistas para emprego. Após a palestra, foi aberta a exposição dos trabalhos em forma de banneres. No total, 25 painéis foram expostos com resumo dos trabalhos realizados pelos alunos, sob a supervisão dos professores do DEF, dentro da proposta de promover a divulgação da produção acadêmico-científica e cultural do curso e integração dos alunos.

Os estágios supervisionados dos alunos em licenciatura, (Estágio I – Educação Infantil; Estágio II – Ensino Fundamental; Estágio III – Ensino Médio; e Estágio IV – campo não formal), são realizados em escolas públicas, no EJA e nos ambientes quilombolas, enquanto os alunos do bacharelado estagiam nas academias. Natália Pereira e Thalles Gutemberg são alunos do 5º período e realizaram o estágio na Escola Centenário, no bairro do Catolé. Eles relataram que a experiência foi extremamente gratificante, mas observaram alguns desafios encontrados para desenvolver o trabalho.

Segundo Thales, os alunos do DEF tiveram dificuldade em aplicar o estágio devido ao contexto social em que os alunos da escola estavam inseridos. “Mas com o passar do tempo, a experiência foi melhorando e criamos vínculos com eles. Essa mostra se reveste de muita importância, pois é uma oportunidade de troca de experiência e de vermos a teoria colocada em prática”, afirmou. Natália Pereira também avaliou como proveitosa a Mostra que permite aos alunos colocar em prática o aprendizado de sala de aula e conhecer os trabalhos de outros alunos. Sobre a experiência em realizar o estágio em uma escola pública, ela relatou as dificuldades, principalmente, pelo fato de os alunos ainda estarem acostumados com uma Educação Física a moda antiga. “Tivemos dificuldade de implementar essa nova visão, que é o professor dando aula teórica e prática”, comentou.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Edvânia Barbosa