Homenagens marcam comemoração do Dia do Psicólogo na Universidade Estadual da Paraíba

30 de agosto de 2017

A comemoração do Dia do Psicólogo, organizada pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) nesta quarta-feira (30), deixou evidente que, neste dia, a formalidade ficaria de lado e permitiria que a alegria, os sorrisos e as emoções se destacassem na celebração. A manhã, marcada pela exibição de vídeos, relatos de histórias, poesia e declarações de gratidão de diversos profissionais que compuseram o departamento de Psicologia, agregou alunos, professores e parentes dos homenageados.

A mesa de abertura foi composta pelo reitor Rangel Junior; pelos professores José Pereira, pró-reitor de Extensão; Alessandra Teixeira, diretora do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS); Virgínia Celi Santana, chefe do Departamento de Psicologia; Ana Cristina Loureiro, coordenadora do curso; Carla Brandão Costa, coordenadora da Clínica Escola de Psicologia; e Sibelle Maria Martins Barros, coordenadora adjunta do Programa de Pós-Graduação de Psicologia.

Para o professor José Pereira, um dos organizadores do encontro, o evento deste ano buscou fazer um resgate da história do curso de Psicologia na UEPB, trazendo à tona também a contribuição das pessoas que deixaram sua marca. “Tivemos a intenção de compartilhar essa história e prestar nosso reconhecimento aqueles que deram sua contribuição, seu tempo, trabalho, alegria e ideias para a construção deste curso”, enfatizou Pereira.

Já o reitor Rangel Junior, com muito bom humor e em um diálogo descontraído com o público, recordou episódios extraídos de décadas de relacionamento com a UEPB e, mais especificamente, com o Departamento de Psicologia, do qual já foi aluno, professor e a partir de onde alçou voos mais altos no universo acadêmico.

Com um texto leve e divertido, o professor Wilmar Roberto Gaião transmitiu uma mensagem em tributo aos antigos e atuais professores e, conforme ele próprio comparou, fez “a função de um orador de turma”. Ele revisitou as cenas dos prédios antigos, as contínuas buscas por melhorias, as reclamações e conquistas ao longo de 40 anos, citando cada um de seus colegas. “Cada um de nós guarda em seu peito as alegrias de ter entrado pela primeira vez neste prédio, sob a inquietante expectativa de nos tornarmos psicólogos. O que nos une neste momento é a capacidade de amar o que se faz, com quem se faz e como se faz”, finalizou.

A manhã foi encerrada com a entrega de lembranças aos professores homenageados e confraternização com um coffe-break. Durante todo o dia, alunos extensionistas das clínicas escolas, integrantes do Laboratório Itinerante da UEPB, realizaram atividades de saúde junto a comunidade, realizando testes de glicemia, aferição de pressão, entre outros atendimentos.

 

Texto e fotos: Giuliana Rodrigues