Departamento de Biologia da UEPB realiza 5º Seminário Discutindo o Meio Ambiente de Campina Grande

20 de abril de 2016

O futuro de Campina Grande no que concerne a sua política de resíduos sólidos, que afeta direta e indiretamente a saúde ambiental e humana da cidade, volta a ser tema de evento promovido pela  Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através Departamento de Biologia da Instituição. Trata-se da 5ª edição do Seminário “Discutindo o meio ambiente em Campina Grande”, promovido pelo Grupo de Extensão e de Pesquisa em Gestão em Educação Ambiental (CGEA/UEPB) e que este ano será realizado no próximo dia 28 de abril.

Destinado a estudantes, líderes comunitárias, gestores públicos municipais e diferentes atores sociais que atuam no município, o seminário acontece das 8h às 13h, no Auditório de Psicologia da UEPB, no Câmpus de Bodocongó. As inscrições para participação no evento são gratuitas e podem ser feitas até o dia 22 de abril, através do e-mail monicaea@terra.com.br. No total, 200 vagas estão sendo ofertadas para os interessados em debater o tema.

A exemplo das quatro edições anteriores, a programação do seminário contará com palestras, mesa redonda, oficinas e apresentação de experiências exitosas em Educação Ambiental desenvolvidas pela UEPB. A palestra de abertura, “Meio Ambiente, Resíduos Sólidos e Saúde”, será proferida pela professora Mônica Maria Pereira da Silva. Já a palestra de encerramento, “Os mistérios da Caatinga no contexto de resíduos sólidos e saúde”, será ministrada pelo professor e especialista da área, Pedro José Aleixo dos Santos, da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG).

Em sua 5ª edição, o seminário tem como objetivos favorecer o debate entre os diferentes atores sociais sobre os problemas e ações relativos aos resíduos sólidos que afetam direta e indiretamente a saúde ambiental e humana em Campina Grande, além de provocar o debate sobre a relação da falta de gestão dos resíduos sólidos com os problemas que atingem a saúde pública no Brasil e na Paraíba, bem como divulgar e motivar o debate sobre as ações aplicadas em Campina Grande para atingir os objetivos do Plano Municipal de Gestão de Resíduos Sólidos e sua importância para a saúde ambiental humana.

Texto: Severino Lopes