Centro de Ciências Sociais Aplicadas da UEPB promove série de atividades para recepção de novos alunos

27 de fevereiro de 2020

O Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) promoverá uma série de atividades de recepção aos alunos ingressantes dos cursos de Administração, Ciências Contábeis, Jornalismo e Serviço Social, no Câmpus de Campina Grande. Os calouros serão recebidos, na segunda-feira (2), pela direção de Centro e pelos coordenadores dos quatro cursos. Em seguida, haverá a mesa redonda “Eu quero botar meu bloco na rua: os desafios da Universidade no cenário contemporâneo”, às 9h, no Auditório I da Central de Integração Acadêmica. Participarão do debate as professoras Alessandra Ximenes (Serviço Social) e Ana Maria Paixão (Ciências Contábeis).

No mesmo dia, às 19h, haverá uma nova mesa, com o mesmo tema, mas dessa vez com as presenças dos professores Jurani Clementino (Jornalismo) e Brunno Gaião (Administração). O debate também será no auditório I da Central de Integração Acadêmica. A programação continuará na quarta-feira (4), às 19h, com a mesa “O que a UEPB tem? Direitos e deveres dos alunos”. A mesa contará comas participações dos pró-reitores de Graduação, professor Eli Brandão; Estudantil, professora Núbia Martins; de Extensão, professor José Pereira; além da Coordenação do PIBIC, professor Carlos Henrique; dentre outros. A mesa acontecerá novamente no Auditório I. Já na quinta-feira (5), às 9h, ela será repetida no Auditório do Curso de Psicologia da UEPB.

Além da programação promovida pelo CCSA, cada curso fará sua programação própria, com palestras e mesas específicas de cada área. O professor Geraldo Medeiros, diretor do CCSA, destaca a importância da programação deste evento de acolhida. “Estamos recebendo com muita alegria os alunos dos cursos de Administração, Ciências Contábeis, Jornalismo e Serviço Social. Nem sempre no ambiente universitário acontece o encontro de diversas áreas e tendências do pensamento. Entendemos que o aluno de administração tem muito o que conversar com um aluno de serviço social, por exemplo. Além disso, precisamos discutir a universidade no mundo atual e, em especial, a UEPB”, afirmou.