Universidade Estadual e IFPB – Câmpus Picuí lançam livro “Belchior: apenas um rapaz latino-americano”

6 de dezembro de 2018

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), através da Editora Universitária (EDUEPB) e da Coordenadoria de Comunicação (CODECOM), e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) – Campus Picuí, através do Núcleo de Estudos em Agroecologia (NEA), lançam nesta sexta-feira (7), às 18h, no Café Vila Nova da Rainha, em Campina Grande, o livro “Belchior: apenas um rapaz latino-americano”, de autoria do escritor e jornalista Jotabê Medeiros.

Trata-se de um livro revelador sobre uma figura fascinante da Música Popular Brasileira (MPB) que, conforme o autor, merece ser mais conhecida do público. Um artista às vezes enigmático, sempre refinado e imensamente popular. Caderno de imagens em cores. Discografia completa. A morte de Belchior, em abril de 2017, foi uma comoção nacional. Dez anos antes, o artista desaparecera. Foi a partir do mistério desse sumiço que Jotabê Medeiros deu início à pesquisa para um livro sobre o autor de clássicos como “Velha Roupa Colorida”, “Alucinação” e “Como nossos pais”.

Jotabê realizou dezenas de entrevistas com parceiros musicais, amigos, familiares e produtores dos discos de Belchior. “Apenas um rapaz latino-americano” traz períodos pouco conhecidos da vida de Belchior, como os anos em que passou em um mosteiro, na adolescência. Foi ali que o artista travou seu primeiro contato com a literatura e a filosofia e habituou-se ao silêncio e à introspecção que seriam características marcantes até o fim da vida.

Sobre o autor

O escritor e jornalista Jotabê Medeiros nasceu em Sumé (PB), em 1962, e chegou ao Paraná com outros 11 irmãos em um caminhão de pau de arara, em 1965. Formado em jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina, trabalhou na Folha de S.Paulo, O Estado de S.Paulo (para o qual foi correspondente em Nova York em 2005), Veja SP e é, atualmente, um dos editores de Cultura de Carta Capital. Como autor, participou das coletâneas “Noite Passada Um Disco Salvou Minha Vida” (Geração, 2005) e “Um Sábado no Paraíso do Swing e Outras Reportagens sobre Sexo” (Panda Books, 2011). É autor de “O Bisbilhoteiro das Galáxias” (Lazuli Editora, 2015), finalista do Prêmio Jabuti de Literatura. Em 2017, publicou “Belchior: Apenas um rapaz latino-americano” (Todavia Livros), contando a história de certo bigodudo de Sobral, no Ceará.