Projeto desenvolvido pelo Câmpus II da Universidade Estadual desperta interesse de crianças pela música

11 de dezembro de 2018

Este slideshow necessita de JavaScript.

Um projeto cultural desenvolvido pelo Centro de Ciências Agrárias Ambientais (CCAA), no Câmpus II da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Lagoa Seca, tem incentivado crianças a entrarem em contato com a música e despertarem o interesse por esta arte.

Intitulado “Flauta Doce”, o projeto mobilizou, na primeira etapa, 20 crianças que participaram das oficinas de música. As aulas acontecem todas às terças-feiras, das 14h às 15h, no CCAA. A UEPB financiou os instrumentos musicais, as partituras e outros materiais usados no curso. Nessa primeira fase, as oficinas foram realizadas entre os dias 29 de agosto a 5 de dezembro, tendo a dedicação das crianças surpreendido os organizadores.

O diretor do CCAA, professor José Félix, disse que o projeto nasceu da necessidade da Instituição em envolver crianças carentes da região do Agreste paraibano em atividades de cultura e arte. A ideia é ensiná-las a tocar um instrumento e despertar o gosto pela música. “São crianças carentes, a maioria filhos de agricultores, que agora têm um espaço de aprendizagem. É uma forma delas ocuparem o tempo”, destacou o professor.

Marlos José Lima Machado é o professor de música da turma e enfatiza que as crianças superaram as expectativas, devido a vontade em aprender a tocar um instrumento. Ele utilizou o Método Melisma, que consiste em uma técnica utilizada para transformar a nota de uma sílaba em uma mescla de notas.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Divulgação CCAA