Projeto de extensão da UEPB inscreve interessados para ações de prevenção e combate à obesidade

6 de dezembro de 2019

O nível crescente de sobrepeso e obesidade tem se tornado preocupante nos últimos anos, sendo considerada uma epidemia global. Essa crescente prevalência do problema está relacionada a diversos processos biopsicossociais e não apenas ao sujeito e suas escolhas. Nesse sentido, a obesidade é uma epidemia que está associada a outras condições de saúde, como doenças crônicas não transmissíveis, a exemplo de diabetes melittus, hipertensão arterial sistêmica, câncer e outras.

No intuito de prevenir e controlar a obesidade, o projeto de extensão “Educação, Cultura e Saúde de mãos dadas” do Núcleo de Educação e Atenção em Saúde (NEAS), vinculado ao Programa Educação e Prevenção ao uso de álcool, Tabaco e outras Drogas (PEPAD), está oferecendo um espaço para prevenção da obesidade e promoção de uma melhoria na qualidade de vida das pessoas, através de ações estratégicas multidisciplinares para a população na faixa etária de 24 a 60 anos.

As ações do projeto serão realizadas no Museu de Arte Popular da Paraíba (MAPP), às margens do Açude Velho, em dois dias da semana e em horários noturnos a serem divulgados posteriormente. As intervenções terão como proposta o acompanhamento nutricional, farmacológico, psicológico e físico de pessoas que se enquadram no grupo que está na condição de obesos ou em sobrepeso. Serão realizadas atividades que estimulem as avaliações individuais, aulas de ritmos, caminhadas, oficinas de relaxamento, palestras psicoeducativas e orientação nutricional.

As inscrições dos participantes estão sendo feitas mediante envio de informações como nome completo, idade, telefone de contato, local de trabalho ou estudo e e-mail para o endereço eletrônico circularsaude.uepb@gmail.com. A ação conta com o apoio do Grupo de Estudos e Pesquisas em Saúde/Doença e Direitos Sociais (GEPSADDS). Outras informações podem ser obtidas no site www.circularsaude.uepb.edu.br, no Facebook (Circular Saúde) e no Instagram (@neasuepb).

Texto: Givaldo Cavalcanti