Direção do Câmpus V inaugura módulos de laboratórios e salas dos Centros Acadêmicos do CCBSA

20 de Março de 2017

Este slideshow necessita de JavaScript.

Com a presença de estudantes, docentes e técnicos administrativos, foram inaugurados na manhã desta segunda-feira (20) os seis módulos habitáveis destinados aos três cursos de graduação do Centro de Ciências Biológicas e Sociais Aplicadas (CCBSA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e as salas dos Centros Acadêmicos das graduações do Câmpus V, em João Pessoa.

Os módulos habitáveis compreendem um container conjugado (medindo 6 x 4,8 metros) e um módulo tradicional (medindo 6 x 2,40), que são destinados ao curso de Relações Internacionais, passando a servir de ambiente de reunião e laboratório. O curso de Arquivologia foi contemplado com um container para atender ao projeto de Extensão SESA e o Mestrado do curso de Arquivologia. Já o curso de Ciências Biológicas passará a contar com três novos laboratórios: o Laboratório de Biologia Molecular, coordenado pelas professoras Daniela Pontes e Brigida Luckwu; o Laboratório de Bioacústica e Comportamento de Peixes – BCOMP, coordenado pela professora Tacyana Oliveira; e o Laboratório de Ecofisiologia Animal, sob a coordenação da professora Enelise Amado.

Além destes espaços, o Câmpus V já contava com três módulos adquiridos por iniciativa do professor Douglas Zeppelini, do curso de Ciências Biológicas, um destes sendo utilizado como Laboratório de Sistemática de Collembola e os demais aguardando a realização de reforma para servir como espaços de pesquisa do docente. Ambos estão localizados na mesma área dos demais containers, na área lateral ao prédio do CCBSA.

Já as salas destinadas aos Centros Acadêmicos estão localizadas próximo ao bloco de salas de Ciências Biológicas e visam atender a uma demanda dos estudantes, que agora terão um espaço para reunir o material que precisarem e atender os demais discentes. Para o estudante do CA de Arquivologia, Júnio Felipe Figueiredo, o espaço para o funcionamento das entidades estudantis era uma reivindicação antiga e a conquista desse local é um marco para o público discente.

O integrante do CA de Ciências Biológicas, Otoniel Lima, enfatiza os benefícios que virão para os estudantes que terão um espaço físico para facilitar o atendimento de demandas. A estudante Monalisa Lustosa, do Centro Acadêmico de Relações Internacionais, frisou que a aquisição de um espaço físico é importante por uma questão de autoafirmação e para que a entidade possa se organizar melhor em torno dos projetos e ações que estão em andamento.

De acordo com a diretora do CCBSA, professora Jacqueline Echeverría Barrancos, os módulos são a solução encontrada para atender algumas demandas urgentes do Câmpus V relacionadas à infraestrutura. Além disso, a docente destaca que os novos espaços dos estudantes possibilitarão melhores condições de atuação das entidades estudantis do CCBSA. A diretora destacou ainda que essas ações são uma continuidade de um processo iniciado na gestão anterior, pelo professor Francisco Jaime, e ressaltou que outras melhorias necessárias para o bom funcionamento das atividades da comunidade acadêmica ainda estão em andamento.

 

Texto e fotos: Juliana Marques